sábado, 4 de julho de 2015

[2129.] De dever e de ser


Sem comentários: